Últimas Notícias

Março
25

Exclusão do Serasa

Empresa gaúcha assessorada pelo Grupo Villela conquistou na Justiça a exclusão do seu nome do cadastro de proteção ao crédito, administrado pela Serasa Experian. A empresa é uma das 76.677 devedoras de ICMS inscritas em dívida ativa que receberam notificação da Secretaria da Fazenda do RS sobre a abertura de cadastro de devedor. A decisão em caráter liminar é da 21ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul.   De acordo com os advogados do Núcleo Tributário da Villela, a determinação abre caminho para outras empresas cadastradas na Serasa por débitos tributários buscarem a sua exclusão do cadastro. A orientação aos contribuintes é de que a prática do Poder Executivo fere os princípios constitucionais, uma vez que existem meios legais de cobrar a divida,...
Março
21

Governador Tarso Genro realiza palestra no evento Tá na Mesa

O primeiro Tá na Mesa da Federasul, cocorreu nesta quarta-feira (20). O evento contou com a presença do governador Tarso Genro, que em sua palestra projetou o crescimento do Rio Grande do Sul, em 2013, duas vezes maior que o do Brasil. Tarso enfatizou os resultados positivos da indústria, em janeiro deste ano, a arrecadação de fevereiro e o bom resultado da Expodireto. Estiveram presentes na ocasião, representando o Grupo Villela, os diretores Diego Labarthe do núcleo empresarial e Rodrigo Molinaro do setor de contabilidade.             . Conforme dados expostos pelo governador, só na saúde, por exemplo, o Estado recebeu recursos na ordem de R$ 1,7 bilhão em 2012. Valor que este ano deve ficar em R$ 1,2 bilhão.  Na educação, os recursos aumentaram. Passaram de R$ 6 bilhões, em 2012, para R$ 6,8 bilhões, estimados para...
Março
13

Brasil é o quarto país que mais recebe investimentos estrangeiros

 Há uma década o Brasil encontrava-se na 15º posição no ranking dos destinos Globais de Investimentos Estrangeiros. Conforme a pesquisa da Sociedade Brasileira de Estudos de Empresas Transnacionais (Sobeet) ano passado o país alcançou o quarto lugar na lista ficando atrás apenas de Estados Unidos, China e Hong Kong. O estudo ainda aponta que o fluxo de investimentos estrangeiros depositados no Brasil foram os que mais subiram no mundo. São 5% de 2012, contra 1,7% de 2003. 

 As estatísticas mostram, também, uma queda no setor de serviços nos últimos cinco anos. Passou de 51,8% para 42,1%. Os setores mais afetados pela baixa foram os de telecomunicações, energia elétrica e saneamento básico.  Para os próximos anos, o governo estima cerca de U$65 bilhões em relação a investimentos estrangeiros.  

Março
12

Tem início o Curso de Formação de Líderes

Começou, nesta terça- feira, o primeiro curso de Formação de Líderes do Grupo Villela, promovido pelo Centro de Treinamento Organizacional. Neste primeiro módulo os alunos irão trabalhar dez disciplinas, totalizando 20hs aula.  As palestras serão ministradas por diretores e coordenadores da empresa.

 

  Participam do curso, funcionários da empresa e executivos de conta. Na turma de terça-feira, já conta com 12 colaboradores inscritos. Para a turma de quinta-feira foram feitas 14 inscrições. 
Março
04

Receita recebe mais de cem mil declarações em 8 horas

O prazo para declarar o Imposto de Renda de Pessoa Física 2013 começou na última sexta-feira (01). Em apenas 8h após a sua abertura, 187,2 mil contribuintes prestaram contas com a Receita Federal. Os documentos devem ser apresentados até o dia 30 de abril, data de encerramento do prazo. Em 2012 foram 25.244.122 de declarações registradas. Neste ano, o Fisco estima receber cerca de 26 milhões de declarações. Para o contribuinte transmitir a declaração, basta instalar o Receita Net, software que está disponível na página www.receita.fazenda.gov.br.   Aqueles que receberam rendimentos tributários com soma superior a R$ 24.556,65 no ano anterior, são obrigados a declarar o IR. Também tem obrigatoriedade, o contribuinte que recebeu rendimentos isentos, tributáveis ou não, cuja soma foi superior a R$ 40mil. (confira a baixo quem deverá...
Março
01

Economia para pagar dívida do setor público alcança sua melhor marca

O Superávit primário, economia para pagar a dívida do setor público, atingiu a marca recorde de R$ 30,25 bilhões, neste ano, no mês de janeiro. Esse é o melhor resultado, desde 2001, quando iniciou a série histórica. O valor proporcionou que os gastos dos juros existentes sobre a dívida fossem cobertos. Em janeiro os juros chegaram a R$ 22,649 bilhões, contra R$ 19,661 bilhões do mesmo período no ano passado.

  Com o esforço fiscal, o superávit nominal, composto pelo resultado do superávit primário mais despesas com juros, obteve saldo crescente, no mês passado, em comparação o igual período de 2012. Foram R$ 7,602, contra R$ 6,355 bilhões.
Março
01

Arrecadação de impostos atinge recorde

  Conforme a Receita Federal, a arrecadação de contribuições e impostos somou, em janeiro, o total de R$ 116,006 bilhões. Este resultado é recorde, superando a maior soma, até então, de R$ 108,892 bilhões. Na comparação, o número representa uma alta de 6,59% com o mesmo período do ano anterior.   A Receita Federal ainda comunicou que o pagamento da primeira cota e da contribuição social sobre o Lucro Líquido ( CSLL) foram fatores determinantes para que a marca do mês de janeiro fosse alcançada. Outros motivos, também informado pela Receita, foram o desempenho positivo das vendas de bens e serviços (5%) e o valor em dolar das exportações ( 9,46%).  
Newsletter
Grupo Villela © 2013